Nova pagina 1
     HOME
     Escritório
     Áreas de Atuação
     Notícias
     Econews
     LINKS

     CONTATOS
 
 
Cadastre seu e

Cadastre-se para receber nosso informativo.
 

Nome

E-mail

        

 
 

Notícias - Abril/2019

 

Questão florestal em pauta na FIEMG

[12/04/2019]

O Conselho de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da FIEMG se reuniu nesta terça-feira, dia 9/04, na sede da FIEMG e a questão florestal esteve em pauta durante o encontro.

Antonio Malard, diretor-geral do Instituto Estadual de Florestal – IEL, participou da reunião e expôs aos membros do colegiado os desafios da nova gestão da entidade.

“A questão florestal envolve vários setores da indústria, desde a área que atua efetivamente com florestas ao setor da agroindústria, principalmente o canavieiro, e outros segmentos, como quando tem solicitação de supressão, inclusive urbano”, cita Mário Ferreira Campos Filho, presidente do Conselho de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável.

Segundo o empresário, o setor produtivo está satisfeito com a ida do técnico para a instituição, que encontrou dificuldades nos últimos anos de governo, com muitas reclamações de empreendedores em relação aos procedimentos, morosidade e dificuldades jurídicas em alguns processos.

E agora o setor produtivo está muito satisfeito, sabemos que vai desempenhar um bom trabalho, mas terá grandes desafios. Sua ida Destravar e dar mais agilidade a esses procedimentos.

O diretor-geral do IEL, Antonio Malard, sabe que os desafios são muitos, mas acredita que o IEF vai alcançar bons resultados. “Vamos desburocratizar os nossos serviços, padronizar os procedimentos e otimizar as legislações”, afirma Malard. Ele ainda disse que o Decreto Florestal vai sair em breve, até o fim do mês.

“Vimos que a nova gestão do IEF está pronta para solucionar, desburocratizar, dar mais agilidade aos procedimentos para que os empresários possam empreender de forma mais rápida e que a questão florestal não seja entrave ao desenvolvimento econômico e sustentável de Minas Gerais”, destaca Mário Campos Filho.

Fonte: FIEMG.